Vantagens do GNV – Kit Gás

por | ago 9, 2016 | noticia | 0 Comentários

O Gás Natural Veicular (GNV) é a alternativa perfeita ao uso dos combustíveis mais tradicionais, a gasolina e o álcool. E não só pelo fato de o GNV ser o menos poluente, o que faz com que a natureza agradeça, mas também pela importante questão do custo-benefício, que será melhorada consideravelmente.

Pureza

Como resposta aos maus tratos que conferimos à natureza, acabamos vitimados por efeitos indesejados como, por exemplo, o Aquecimento Global. A população só tende a crescer, o consumo aumenta e o resultado é desastroso: o consumo desenfreado de recursos e a poluição do meio-ambiente pode nos prejudicar seriamente num futuro próximo.

Com isso em mente, fica fácil de concluir que o GNV é a forma perfeita de abastecer seu veículo, reduzindo consideravelmente – em até 20% – a emissão de gás carbônico, um dos grandes vilões do meio-ambiente. Além do mais, a pureza do uso de GNV não acaba por aí: devido à forma como é tratado antes de chegar ao consumidor, não é possível manipulá-lo de modo a ludibriar quem vai abastecer o automóvel. Bem diferente dos vários casos de gasolina adulterada que ouvimos falar.

Corte de gastos

É verdade que há os gastos iniciais com a instalação do GNV – cilindro e kit. Agora, é preciso pensar além: com tudo instalado, seguindo totalmente as regras de segurança vigentes, o abastecimento irá lhe poupar em média 70% com relação ao que era gasto com gasolina. Não só isso, como por abastecer seu veículo de forma gasosa, os gastos com manutenção também serão reduzidos.

Esqueça os mitos

Com uma instalação de última geração, feita por profissionais capacitados e seguindo todas as normas de segurança, a manutenção necessária do veículo após a instalação do GNV será tão fácil quanto a dos movidos a gasolina ou etanol.

Não, o veículo não será consideravelmente prejudicado quanto à potência. Com os avanços tecnológicos relacionados aos kits de última geração, o mecanismo de injeção de GNV no motor é bastante eficiente e o rendimento do veículo será excelente – rende, em média, o dobro dos tradicionais.

Não é porque há “gás” no nome que o GNV é um combustível perigoso; muito pelo contrário, a instalação oferece diversas válvulas de segurança e, durante o abastecimento, não há nenhum contato do gás com o oxigênio, o que significa zero risco de combustão.